Sejam bem vindos ao nosso novo modelo de Blog! Como havia dito antes blog não é imprensa é um diário pessoal, portanto, entrem e fiquem a vontade para folhear o meu diário, onde registro minha ótica sobre tudo o que acontece ao meu redor, é um prazer tê-los aqui. Espero que gostem da nova aparência do Blog do Diego Sousa!

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

Aluna grava Professor falando mal do Dr Gilberto e é agredida por ele

 OBS.: Imagem meramente ilustrativa

Infelizmente o favoritismo do Dr Gilberto está despertando uma reação violenta nas pessoas que apóiam o Evandro Watanabe, hoje foi a vez do Professor do Ceal Melque que faz campanha abertamente para o candidato da situação apesar de não ser nem eleitor de Santa Izabel perder as estribeiras e agredir uma aluna ainda de nome desconhecido no Colégio Antônio Lemos, segundo um grupo de alunos que estavam em outra sala no momento da confusão a menina estava com o celular ligado enquanto Melque desferia uma série de ataques e ofensas contra o Dr Gilberto e a própria aluna, quando percebeu que estava sendo gravado o professor teria avançado em cima da moça e a empurrado, os alunos se meteram na confusão e a menina teria desmaiado, neste momento os advogados do 15 estão na sala da diretora tentando abafar o caso a portas fechadas, espero que a "Galera da Paz" tome mais consciência de que este processo eleitoral termina domingo e que nós continuaremos aqui a trabalhar e/ou morar em Santa Izabel.
Espero que a pressão psicológica que os advogados do Evandro querem fazer na moça não a faça recuar de prestar queixa na delegacia por esta agressão estupida deste "Pseudo Educador Verde".

1 comentários:

Noeme Matos disse...

Eu estava na escola quando o episódio ocorreu mas, não presenciei o acontecimento. Somente vi e ouvi falácias proferidas(que não irei contar por ter laços afetivos com a pessoa do professor e enfermeiro Melquisedeque Costa) pelo educador em questão com relação ao prefeitável Dr. Gilberto. No momento fiquei um tanto apreensiva pois o candidato é meu amigo e possui meu voto de confiança.
No dia seguinte, por ser chefe de turma do 3ª A da escola, fui chamada à sala de diretoria pela própria Irmã Josefa. No caminho ouvi da vice-diretora Irmã Creuza as seguintes palavras: "Seja corajosa, minha filha. Seja corajosa" enquanto segurava firmemente minha mão. Quando chegamos ao nosso destino me deparo com as alunas que participaram do episódio descrito no seu post. Mantenho-me séria, calada e com sorrisos nervosos no rosto. Em suma, resumi o que havia ouvido e visto no dia anterior e não quis entrar em muitos detalhes. A Diretora me despediu falando "Você é uma pessoa muito sensata. Sei que não inventaria nada." Agradeci e segui meu rumo. Pelo que ouvi no intervalo em que estive na sala da diretora pude extrair e refletir o seguinte pensamento: se o professor como formador de opinião infringe regras concernentes a uso de aparelho celular em ambiente escolar e tbm insinuação de cunho político partidário, por que é que alunos não podem embasar suas atitudes nas atitudes dos mestres?
Não obtive resposta, infelizmente!

Como amiga do Dr. Gilberto poderia entrar em contato com ele e relatar o que foi visto e ouvido em ambiente escolar, mas não o farei porque tenho muita admiração por meus mestres e reconheço o direito que eles têm de expor opinião e votar em quem bem entenderem. Só estou um pouco frustrada e como sei que isso chegará ao ouvido dos mesmos falo abertamente que as atitudes presenciadas por mim influíram no meu desempenho escolar. Respeito a opinião alheia, desde que seja coerente ao respeito que devemos ter pelas pelo próximo.
Diego, parabéns pelo blog!

Postar um comentário